A Guerra dos Youtubers

Há tempos venho seguindo alguns Youtubers e outros canais falando a respeito de motivação, relacionamento e desenvolvimento humano, etc.

Fico triste de ver algumas pessoas expondo suas opiniões e estas não sendo aceitas por outros Youtubers. Um grava vídeo falando do outro e o outro grava um outro vídeo revidando e isso vai causando aquela chamada disseminação do ódio.

É triste. Muito triste. Eu, quando não concordo com o que um desses Youtubers ou donos de canais falam, descarto e filtro apenas o que me faz bem ou me interessa. Acho que a gente deve ser assim, respeitar o que cada um pensa. Claro, podemos contestar o que não nos agrada e discutir, mas com respeito.

Gosto do canal do Nando Moura. Às vezes ele é irônico e não gosto, mas respeito o jeito dele e continuo inscrito em seu canal.

Recentemente me inscrevi no Canal do Moscoso. Outro cara que fala coisas legais também. Recentemente uma escola fez uma festinha se desfazendo de profissões sem diploma, como empregada doméstica, gari, etc. Moscoso fez um comentário de alto nível para essas pessoas tentando mostrar a elas o quanto suas atitudes foram ridículas.

O Felipe Neto até pouco tempo eu assistia, mas parece que ele começou a ficar meio chato de um tempo pra cá e simplesmente parei de assistir. Simples assim. Se você não gosta, não precisa ficar falando mal do cara com o objetivo de prejudicar a imagem dele.

Outro canal que admiro é o Neurovox. Esse vejo com maior frequência. Fala muita coisa boa pra gente refletir sobre a vida e aprendo muito a lidar com certas situações que tenho a respeito de como me relacionar com os outros. É muito bom. Gosto muito das coisas que o Pedro Calabrez expõe.

Meu objetivo com esse texto é simples: vamos respeitar mais uns aos outros, vamos aderir à Empatia. Saibamos discordar, mas discutir com respeito. Para todas as áreas de nossa vida é preciso fazer isso. Se eu fosse brigar com todos os meus amigos pelas coisas que não concordo com eles, eu seria sozinho nesse mundo.

Todos nós temos opiniões diferentes. Desconfie do amigo que concorda com tudo o que você faz. Eu prefiro ouvir o que preciso a ouvir o que quero ouvir. Desse jeito o Ser Humano não evolui. Precisamos de gente que abra os nossos olhos. Vamos procurar viver mais em harmonia e respeitar uns aos outros?

Fica aí a dica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *